12 de dezembro de 2017

Girl Power

Primeiro dia da "nova faxineira" aqui em casa. Conversamos sobre minha vida em Lisboa (saudades, inclusive...), conversamos sobre as principais diferenças da vida aqui e lá. Ela pergunta a minha idade. 23, eu digo. Pergunta se eu tenho namorado. Pergunto "pra quê ter namorado?". "Tá certa tu, com esse pensamento", diz ela. "Homem só serve pra atrapalhar a vida da gente. Tu tá certíssima de pensar assim! Minha vida tem 16 anos e só pensa na carreira dela e no que vai estudar." Contei pra ela que eu com 16 anos ainda tinha a ideia de um príncipe encantado, ter uma família, filhos, cuidar da casa, agradar meu marido. Mas que agora isso ficou pra trás. Se for pra ter um marido, vai ser um companheiro e parceiro, mesmo. Alguém pra me apoiar, sonhar comigo e fazer as coisas acontecerem na minha vida, como se fosse pra ele. E ela diz "certíssima, tu tá! Muito bom esse teu pensamento! Seria ótimo se mais meninas tivessem a cabeça como a tua, de ser independente, fazer a própria vida, a própria carreira, o próprio sucesso. É assim mesmo que tem que ser!".
Girl Power. @pritrelles
Fiquei feliz e "aliviada", de certa forma, de saber que com 16 anos, a filha dela já tem uma mentalidade que eu demorei um pouco pra conseguir. Talvez tenha sido por causa dessa nova geração, tão ligada ao feminismo, ou por ter visto a mãe trabalhar honestamente como faxineira pra conseguir dinheiro pra sustentar ela, não dependendo de homem, ou talvez vendo a mãe dependendo de homem e por isso, resolveu focar na carreira, mas também percebeu que a mãe não deixou de cuidar dela pra ter uma carreira. Enfim, não quis entrar nesses detalhes com ela, porque achei que não devia.

Mas também não sei se isso deveria ser bom. Vou parecer repetitiva, mas com 16 anos, uma pessoa definir o curso que quer seguir pro resto da vida, definir uma vida inteira, planejar uma vida toda... Quer dizer, hoje eu já não acordei querendo algo que eu queria ontem. E amanhã com certeza eu não vou acordar querendo o que eu quero hoje, também! Não é muito cedo pra fazer algumas escolhas que vão nos acompanhar pra vida toda?

Pensem nisso.

0 comentários:

Postar um comentário

Eaí, gostou do post? Me fala aqui nos comentários! <3

 
Cantinho da Ruiva | Layout por A Design