19 de abril de 2017

"tripulação, preparar para a decolagem.."

Eu não sei se vocês já andaram de avião (digo isso porque tem gente que nunca andou, assim como tem gente que nunca viu o mar, comeu sorvete, etc etc etc...), Mas quando a gente tá indo viajar, existe uma série de etapas que se tornam parte da viagem. E para cada uma delas, existe um aviso do comandante, para que os passageiros e a tripulação tenham noção mínima do que tá acontecendo.

"Tripulação, preparar para a decolagem..." @pritrelles
Pois então, quando tu embarca na aeronave (entra no avião), tem todo o processo de guardar as bagagens de mão pra SE CASO acontecer um acidente ou tiver turbulências (tipo ter muita nuvem em um espaço no meio do caminho que o avião tem que fazer, e tal), as bolsas e malas não ficarem "voando" soltas e ter maior risco durante a viagem. Depois que todo mundo entrou e tá sentado, de cinto, com as bolsas nos bagageiros e tudo mais vem bonitinho, eles falam "tripulação, portas em automático", que é pra fecharem as portas, trancarem e a gente poder viajar. Daí ele sai da "garagem", via até a pista onde vai correr e espera a autorização pra decolagem e então a gente poder viajar. Esse processo TODO costuma demorar e. Média, 30 minutos, dependendo da quantidade de passageiros, e do tamanho do avião. Pois bem, ontem na minha volta do Brasil pra Portugal, da hora que eu embarquei no avião até a hora de ir pra pista pra decolar, levou mais ou menos 30 minutos. Depois ficamos mais uns 20 minutos esperando a autorização da torre pra decolagem.
Gente, eu amo viajar. De verdade. Eu me sinto tô muito bem e segura no avião. Não sei se eu já contei isso aqui pra vocês, mas meu pai sempre trabalhou no setor de logística e manutenção de empresas aéreas lá em Porto Alegre. Ele foi funcionário da Rio Sul, Varig, VEM e agora TAP/Azul. Por conta disso, eu desde pequena andei de avião com os meus pais e sou super acostumada. Como eu era muito curiosa, perguntava tudo pro meu pai, de todas as etapas e processos, barulhinhos, etc, enquanto a gente viajava de avião. Mas pensa em mínimos detalhes: eu perguntava. E por isso eu sei quase que exatamente tudo que acontece e não me apavoro com turbulências e viajo sozinha super tranquila.
PORÉM, quando tu fica mais de 20 minutos, esperando a torre autorizar a decolagem, num vôo quase que cheio, num dia nublado, com expectativa de chuva, final da tarde, sem nenhum avião a vista aterrissando ou decolando que possam impedir a decolagem do teu (sim, porque obviamente podem ter aviões sobrevoando o céu na hora, e daí tem que esperar e tudo mais..  mas tu que é passageiro, não tem como saber, porque não te falam isso, então tu imagina mil coisas), e mesmo que tu entenda um pouco do que pode estar acontecendo, as pessoas ao teu redor no avião com certeza vão tá falando: "tem algum probleminha nesse avião, porque tanta demora? Esse avião vai cair, vai dar merda!" (Porque sempre tem um infeliz que começa com isso e até o cara que fez a manutenção do avião pra viagem, vai duvidar do próprio trabalho!) querido, é melhor tu começar a rezar. Mas assim.. só por via das dúvidas! Porque o vôo que começa cagado, vai ter um meio e um fim cagado. Escreve aí.
Meu vôo teve 10h de duração (sem contar o século que passou entre o embarque e a decolagem!), e dessas 10h, 6 a 7 foram com turbulência. Pensa. O final do vôo, tinha tudo pra ser tranquilo, mas o querido piloto devia tá com um receio é não queria que desse algo errado, ou seila, mas ele resolveu cravar o avião no chão, na hora da aterrissagem. Eu tinha certeza que ele ia fazer isso, porque: vôo cheio de turbulência, enquanto a gente sobrevoava Lisboa, preparando pra aterrissagem, ele desceu o avião, que a minha barriga veio pra garganta. Se tu é porto alegrense/ gaúcho, já desceu a mostardeiro a 60km/h, sentiu a barriga dar aquele negócio normal e tópico dá mostardeiro, tu imagina o efeito que um avião em uma velocidade média de 200km/h, não faz no ser humano. Né?! Não é lá muito agradável. Eu que gosto de olhar na janela e tal, preferi virar a cara pro corredor e fechar os olhos! (Não fiz escândalo, antes que digam que foi exagero!)
E a aterrissagem foi aquilo, né... Não abriu um buraco no chão por mero detalhe, mesmo. Porque eu tinha certeza que ele ia cravar as rodas na pista, pra ter a certeza MESMO de que tava em terra! Hahahhaha Mas tirando todos esses pequenos incômodos, deu tudo certo e obviamente isso não é uma mensagem do além! Hahahahha
Gostou? Então deixa o teu like, e me conta aqui nos comentários se tu já passou por uma situação dessas! Beijo e até a próxima!

1 comentários:

  1. Hahaha, sempre quis andar de avião apesar de ter um certo receio, queria muito fazer intercâmbio na Coréia do Sul. O que tenho a dizer dessa situação é que teve ter sido desesperadora :v Mas que bom que tudo correu bem, e que esse texto não é uma mensagem do além :v Bjs!

    ResponderExcluir

Eaí, gostou do post? Me fala aqui nos comentários! <3

 
Cantinho da Ruiva | Layout por A Design