18 de abril de 2016

Faculdade

Se tu é dessas pessoas que tá no ensino médio ou fundamental e acha que a faculdade é tipo um filme do American Pie, que é pura diversão, putaria, ninguém querer nada com nada (tá, as vezes isso acontece, mas depois a gente volta pra realidade) e que tu não precisa estudar, TALVEZ seja bom tu parar de ler esse texto aqui, se não quiser desconstruir essa imagem na tua cabeça. Ou não, se tu quer ouvir a verdade e aproveitar o tempo que te resta.

A verdade é que agora tu só escuta sobre o vestibular,o que tu vai fazer da tua vida, qual carreira seguir, planejar teu futuro e todo esse mimimi desde o primeiro segundo que tu recebe teu último boletim no terceiro ano do ensino fundamental e dali em diante, só piora! A grande questão, é: PORQUE DIABOS TU TEM QUE SABER COM 14 ANOS O QUE TU QUER FAZER DOS TEUS 17 AOS TEUS 60 ANOS? Isso é praticamente uma morte súbita! Aí os infelizes dos nossos pais, familiares, vizinhos, conhecidos, professores, escola, psicólogos, psiquiatras dizem que tu tem problema, que tu não é normal, que tu tá errado e te julgam diariamente porque tu não sabe o que fazer da tua vida. Quer dizer:

- Se tu não é bom em exatas, eles querem que tu seja um engenheiro, arquiteto ou algo assim, se tu não for, MEU DEUS, tu é um merda!

- Se tu só é bom em humanas, NOSSA, vai ser drogado, vai viver em festa, sem fazer nada, e escrever merda em sites da internet, virar Youtuber (Ei, mais respeito!), fazer miçanga, falar merda de política e religião e o caramba. 

- Se tu só em bom em redação... Bom, daí tu vai virar um fracassado, com um blog (ué), algum colunista de um jornal que goste do teu jeito de escrever e do que tu pensa (RARO!), vai tirar uma boa nota na redação do ENEM e enfim... é.

- Se tu só é bom em educação física. Bom, tem a chance de ser alguém famoso no esporte, dar alguma medalha pro Brasil em Olimpíadas.. Mas se tu for professor de Educação Física aí tu já é taxado de pobre. Na real, qualquer profissão que tu escolher ser professor da área, vão te chamar de pobre coitado. As pessoas são mais idiotas e ridículas do que a gente pensa!

- Se tu não é bom em nada disso, vai trabalhar no Mc Donalds.

Desilusões da faculdade. 

Quer dizer, a sociedade te cobra um negócio muito bizarro, que é tu ter claramente definido um plano exato da tua vida até quando tu morrer, com 14 anos! Sim, porque quando tu entra no ensino médio, primeiro dia de aula do 1º ano a primeira coisa que te perguntam é: nome, idade, de qual colégio tu veio e pra qual curso tu quer prestar vestibular. SIM, ACREDITE. Mas piora. Calma!

Tu passa pela morte lenta (vulgo ensino médio) por 3 anos ou mais e quando tu pensa "Cara, vou estudar uma coisa que eu amo! Finalmente! Vou sair toda noite, fazer festinha no meu quarto, chamar uma galera, comprar copo de festa americana, não preciso mais estudar porque é uma coisa que eu amo, então já sei basicamente tudo pelo que eu pesquisei! Vida perfeita!" Não. Tu vai estudar todos os dias, vai gastar 38471974974 em xerox por mês e se te sobrar uns trocos (tipo 50 reais) pra sair no final de semana tu tá muito no lucro! SE  tu sair no final de semana. Porque tem uns professores filhos da mãe, que escolhem a segunda-feira que tem OPEN BAR EM TODAS AS FESTAS pra fazer um prova filha da mãe dissertativa com 5 questões, que pra fazer essa prova tu tem que ler em média, 8 textos, saber autores e anos de cada texto e a ideia de cada autor, porque vai ser cobrado em prova. vida perfeita, né? HAHA, vai sonhando. Quando não tem prova numa sexta, entre um feriado na quinta-feira e o final de semana. Esses daí não tem Deus no coração.

Então gente, essa é só uma prévia do que é uma faculdade. Porque eu queria acabar um pouco com a vida de vocês e só isso mesmo. hahahahahha Espero não ter apavorado muito vocês.

Se tu não tá na faculdade ainda, me diz aqui o que tu achou desse texto e se tu já tá na faculdade, me diz também o que tu achou, ok? Fiquem bem e até a próxima!

38 comentários:

  1. Olá!
    Fofa, adorei teu post. Tipo, eu estou no 2 ano do ensino médio, e muitas pessoas pensam assim mesmo. hahaha! Sou muito mente aberta, pensei que a faculdade iria ser menos cansativo ( Sim, eu estava super enganada) kk!

    http://garotinhaadolescentea.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, eu sei porque eu pensava assim! Triste realidade

      Excluir
  2. Adorei teu post. Vi minha realidade no 1 pargrafo hahahaha. Estou sofrendo a maldita duvida de, que faculdade seguir, medo da decisao, estudos e "bora pra facul curtiiiir" mas ok, ja havia aberto meus olhos antes lkkkkkk Mas foi critiva e adorei ❤️

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. HAHAHAHAH Pois é! E eu já tinha desconstruído essa ideia, mas mesmo assim... Eu cometi o erro de ir pra uma faculdade fora da minha perspectiva. Hoje graças à Deus eu tô fazendo algo que eu amo e que me traz realização! hahahahah Obrigada! Beijoca! <3

      Excluir
  3. Que texto! Descontraído, realista, enfim é bem assim que as coisas funcionam e são realmente. Bom, eu já terminei a minha faculdade, mas não senti muito essas cobranças porque minha família é bem humilde, eu fui a única que fiz faculdade. Entretanto, a questão da escolha eu não tive muita opção porque dinheiro para particular eu não tinha e onde eu moro não tinha faculdade pública, fiz vestibular para duas, e consegui pelo Prouni na época uma vaga numa particular, optei pela UFF mas não exerço a minha profissão.rsrs
    Complicado, hoje eu sou concursada mas penso em mais na frente cursar outra área ou fazer uma pós, eu não sei, estou naquela do deixa a vida me levar sabe.rsrs Adorei teu texto! bjks
    www.pilateandosonhos.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ahahhahahaha Obrigada! Muito bom saber que alguém gosta da maneira que eu escrevo! hahaha Ah, ter família humilde nem sempre é um sinal ruim! Teve sorte, no teu caso! Espero que consiga seguir o caminho que tu quer! Beijoca! <3

      Excluir
  4. Gostaria de passar um feedback para você Pricila! A faculdade tem seus gastos, assim como o ensino fundamental e médio a diferença entre elas é que agora quem assume provavelmente esse compromisso financeiro é você. Sinceramente, achei o seu texto muito pesado e sim, a sociedade impõem "padrões" mais vai da sua interpretação para achar adequado o que é melhor para você.

    Já sou formada e posso explanar a minha opinião de que foi um dos melhores momentos que já vivenciei durante os períodos de aprendizagem. Acredito que como redatoras o nosso papel é incentivar a educação em nosso país, já que o governo não tem exercido o seu ofício. Se está pesado para você, avalie o seu conceito sobre estudo, o que tem passado atualmente, quais suas dificuldades, desafios e onde pretende estar daqui a 4 anos ao terminar seus estudos. Infelizmente, não estamos preparados para mudar a metodologia de ensino bruscamente mas, acredito também ser um processo de amadurecimento e que aos poucos vamos nos adaptando.

    Estou aberta para te ajudar no que for preciso nesse período da sua vida! Avalie pelo lado positivo, se for para criticar que seja uma crítica construtiva :)

    Boa sorte!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Laísa! Agradeço o teu comentário mas gostaria de lembrar que o meu blog inteiro é feito com humor. A faculdade é sim um período maravilhoso das nossas vidas e a minha instituição - Famecos/ PUCRS- me deixa muito feliz e realizada, mesmo! Porém, não são só flores! Tenho sim algumas reclamações sobre a faculdade e algumas coisas que ela deixa a desejar. Também acho que devemos incentivar os estudos e as melhorias da educação. Mas repito: meu blog é sobre a minha visão das coisas, escrito com -muito- humor. Sim, exagerei em alguns pontos, mas não tô aqui pra dar lição de moral aos meus leitores. Tô aqui pra contar coisas de maneira divertida e que claro, de uma forma ou outra façam refletir sobre a realidade. Talvez o teu blog trate os conteúdos com mais seriedade que o meu e isso não é errado de forma nenhuma. Só é uma forma diferente de escrever e contar as coisas. Aproveito também pra dizer que eu não critiquei, apenas dei a minha opinião humorizada (dando um significado humorístico para um fato ou situação), sobre a faculdade.
      Obrigada pelo seu comentário! Beijoca! <3

      Excluir
  5. Super te entendo ahahahhaha eu tive esse problema, meu pai queria que eu já decidisse o que eu queria fazer logo que sai do ensino médio, porém nao aconteceu asism ahahaha eu fiquei 1 ano fazendo cursinho, e ai prestei para um curso que hoje eu amo sim (pena que a minha área atualmente está uma merda), mas eu tinha essa referência na minha cabeça sobre faculdade, cheguei lá e vi que é a mesma coisa do ensino médio porém com pessoas mais bonitas ahahhahaa

    E meu como eu ralei na faculdade, cara*** é muito xerox, e você sobrava 50 no fds? meu deus, se sobrava 10, tava ótimo ahahahhaahaha era muita lição e eu tinha que usar os trabalhos da faculdade como portfolio né? ou seja, gastava horrores ahaha e você esqueceu de citar uma coisa no texto, que pra mim foi a coisa melhor que tive na faculdade, amigos pra vida! é aonde a gente encontra pessoas que vão ser amigos pro resto da vida, terminei a faculdade 1 ano atrás, e até hoje a gente se encontra, fomos no casamento de um deles... é maravilhoso <3 melhor parte ahhahaha

    beijos :*
    japona.mairanamba.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. HAHAHAHAHAH poisé! Meus pais também e a minha vó materna, inclusive, sempre me pergunta quanto falta pra eu me formar! Realmente não dá pra entender isso tudo.. Mas a gente vai vivendo como dá, né! ahahahaha Sobre os amigos da faculdade: eu não só tão próxima dos meus colegas, sou mais dos meus veteranos. Eu sempre tive um problema com a questão de amigos e escola. Na faculdade não foi muito diferente. Mas a vida é assim, né?! Não é algo que me preocupa, confesso! Mas acho muito bacaa quemf az amizades com os colegas da turma, se forma tudo junto e ainda continuam amigos pós faculdade! hahhahhah Beijoca! <3

      Excluir
  6. Oi! Acho seu blog lindo! Amo esse seu layout! Ainda estou bem longe da faculdade então não entendo muito rsrs bjs!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. HAHAHAHAH Obrigada!! Ainda não, mas vai chegar lá! E quando tu chegar na faculdade, vai lembrar dessas coisas que eu escrevi aqui! hahahahahha Vai lembrar da tia Pri! hahaha Beijoca, querida! <3

      Excluir
  7. Não sei muito bem o que quero cursar, mas tenho esperança que ano que vem entro numa faculdade. TECEIRO ANO É HORRÍVEL! A única coisa que faço é decorar fórmulas que só vou usar para fazer uma prova... :p
    Achei seu texto super realista quanto aos padrões que a sociedade impõe e fiquei com um pouco de medo debatido que você falou sobre universidade haha! Mas acho que não vou ter MUITOS problemas porque: não saio, não gosto de festas, não bebo :v
    Em fim, adorei o post ❤️

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Essa dúvida é muito comum, relaxa! E sobre as fórmulas do ensino médio: parece clichê, mas pra alguma coisa vai servir! E vamos esperar até tu entrar na faculdade, pra ver se tu não vai mudar essa opinião! hahahahaha Obrigada, querida! Beijoca! <3

      Excluir
  8. Quando eu tinha 14 anos eu tinha a visão de "vida perfeita" na faculdade. Até que no meu ensino médio os professores acabaram com esse meu pensamento, fiquei com muito medo no início, mas ainda é meu sonho.
    Escolher o que fazer pro resto da vida é muito difícil, eu mudei tantas vezes de ideia. Eu sou de humanas e sofro preconceito por isso, é muita idiotice acharem que só é inteligente quem é bom com cálculos. Eu aprendo fácil, mas meu negócio mesmo é humanas, livros, textos.
    Gostei do post, beijos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isso é bem normal! Estudei em colégio preparatório pro vestibular mesmo sem saber o que era o vestibular e só fui me dar conta do que eu tava realmente fazendo, um ano depois de entrar pra faculdade que foi quando eu mudei de curso (pro meu atual) e depois ainda mudei de faculdade. Eu levei um tempo pra acostumar mas acho que é normal! Obrigada! Beijoca! <3

      Excluir
  9. Adorei e super concordo com palavra linhazinha do teu post. A gente passa um tempão na pressão de se decidir o que quer fazer da vida. Não podemos simplesmente conhecer as áreas primeiro, temos que já ir de cabeça e com mil certezas da vida. No fim das contas, dá tudo meio errado quando entramos na faculdade e realmente não tem nada a ver com o que imaginamos. O pessoal na verdade é até bastante imaturo rs. O certo seria termos certeza do que realmente queremos, pra só depois pensar em investir nisso. Mas como não é bem assim... Fazer o que rs. Adorei o post ♥ Super reflexivo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. hahaha Obrigada! Sim, imaturidade reina bastante! Mas ninguém tem certeza de nada nessa vida, né? E isso acaba sendo até bom! Obrigada! Beijoca! <3

      Excluir
  10. Diz um dito popular: "Nem tanto ao céu, nem tanto ao inferno".
    As "cobranças" feitas pra quem entra no ensino médio são praticamente as mesmas feitas quando se entra na adolescência: Quando vai namorar? Quando vai casar? Quando vem o primeiro filho? Quando vem o segundo?
    E nem por isso a gente pira!
    Como nunca gostei de estudar, faculdade nunca foi um sonho pra mim e nunca fui cobrada por isso. Meus pais tiveram pouco estudo (no máximo ensino fundamental) e já se dariam por felizes se eu completasse o ensino médio pra ter um bom emprego (isso há 20 anos atrás). Mas não tive nenhum incentivo pra tentar a faculdade porque tinha noção dos gastos que viriam mesmo se eu conseguisse passar na Federal e não tínhamos condições financeiras pra isso.
    No entanto as coisas melhoraram quando minha irmã (7 anos mais nova) chegou nessa fase. Ela começou a trabalhar aos 16, fez cursinhos pré-vestibulares e de tanto penar pra passar na Federal acabou cedendo à Particular (Unisinos/RS). Acompanhamos a luta dela que não perdeu tantos fins-de-semana nem tantas festas pois sempre fizemos questão de preservarmos alguns prazeres da vida.
    Hoje formada em Ciências da Computação (acho que mudou de nome) pós graduando, com quase 33 anos, trabalha como Programadora (ou algo parecido), mora em Brasília e ganha em torno de 8 mil por mês!
    E quanto às escolhas das profissões... Quem faz a tua carreira é tu. Se vai ser um "pobre" professor de Educação Física, ou um Personal Trainer de renome ou o treinador da Seleção Brasileira... só depende de ti.
    Pegou pesado, hein? Tem um lado bom em tudo, devia tê-lo mostrado, pois todo esforço SIM, vale a pena!

    Um beijo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Claro, cobranças sempre existem.. Mas a grande pergunta aqui, é: "porque eu preciso entrar de cara na faculdade depois de completar o ensino médio?!". História de superação, a de vocês! Lindíssima! E SIM, só depende de cada um de nós, o que seremos no futuro, mas pena que nem todos pensam assim, né? :/ Fico triste em saber que algumas pessoas tenham achado pesado, sendo o meu, um blog de humor.. Lógico que tudo tem um lado bom, mas esse todo mundo já conhece! HAHAHAHAH Beijoca! <3

      Excluir
  11. Eu nunca tinha essa ideia de que a faculdade seria a melhor época da minha vida e que ia me divertir loucamente... Na verdade foi EXATAMENTE como eu imaginava: eu estudava, trabalhava e ponto final! Não sei se por isso ou se porque eu gostava dessas duas coisas eu AMEI a faculdade, mas nunca jamais na minha vida direi que foram meus melhores anos, não mesmo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Talvez você não tivesse essa ideia de "farra" por já ser mais madura! E não tem problema nenhum, nisso! Legal saber que tu aproveitou bem essa época pra crescer! Beijoca! <3

      Excluir
  12. Na minha sala do ensino médio eram todos querendo ensino médio ou no maximo direito. Ai a unica ovelha negra que queria Letras era eu. E ai junto com isso aquele preconceito de que humana é bagunça, drogas festas e, olha so, ate hoje não fui em nenhum festa porque não tem! so tenho tempo e dinheiro para comrpar xerox e livro, ler xerox e livros e estudar pras provas horriveis da usp. E claro eu achava que ia ser mais molesa, ia ter ao menos uma festinha, mas so tem essa escrqavidão ahaha que começou bem antes do ensino medio. Mas sei la, eu lutei tanto para não desistir da letras como todo queriam que estou feliz rsrs
    dezoitoemponto.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Clássica! hahahahaha Também sou de humanas e o bullying é constante! Mas é muito normal. Nem me abalo com isso! Na minha faculdade rola muita maconha e cigarro, isso não é novidade pra ninguém! Mas é uma escolha de cada um querer entrar nesse mundo ou não! hahaha Que bom que tá feliz, isso é o mais importante! Beijoca! <3

      Excluir
  13. É bem assim! Me falavam no EM e eu nunca acreditava hahaha hoje acho que se eu pudesse voltar no tempo, ficaria uns 6 meses sem entrar na facul, só curtindo as coisas que não podia quando menor de idade e estudando biologia básica (curso Ciências Biológicas). É engraçado que nós temos todas as aulas, saímos 22h15 (horário que o ultimo ônibus tá passando) e quando vou conversar com meus amigos, que fazem outras matérias, eles NUNCA tem aula hahaha tão sempre no bar por que o prof liberou etc. Fico feliz que meu curso seja assim, pois quero ser uma ótima profissional. Adorável Blog!

    Sucesso! Beijos, Menina Borboleta.

    http://meniborboleta.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah, que legal! Poxa, espero que consiga chegar onde você quer! Obrigada! Beijoca! <3

      Excluir
  14. Concordo MUITO com você! Tenho 15 anos e tô no 1° ano, mas todo mundo já vem perguntando o que quero fazer. Quando digo que não sei é tipo "mas não sabe nem a área?", "Exatas ou humanas?"... Quando digo que não sei nem a área parece um absurdo. A sociedade é estranha. Eu não sou obrigada a saber o que quero pro resto da minha vida com apenas 15 anos.
    Sobre não ter tempo pra sair quando estiver na faculdade, não tenho problema com isso. Prefiro ficar em casa mesmo. Mas que é cansativo, isso eu tenho certeza.
    Enfim, você disse tudo (embora tenha desiludido muita gente hahah)

    Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. hahahahahahah obrigada! É, realmente essas perguntas não fazem sentido, mesmo! A única pessoa que precisa saber é você ou no máximo os seus pais! ahhaahhaha Obrigada! Beijoca! <3

      Excluir
  15. Adorei o post, faculdade é tenso mesmo, mas consegui sobreviver em duas. Hehehe
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. HAHAHAHAHHA Dupla guerreira, então?! hahahahaha Obrigada! Beijoca! <3

      Excluir
  16. Olá Priscila, tudo bem?
    Que desabafo, hein!? Quando estava no ensino médio, não tinha nem ideia do que cursar na faculdade. Saí da escola com 17 e sem ideia de profissão, apesar de ouvir várias coisas principalmente dos meus pais. Tá, para ajudar, fui literalmente socada dentro daqueles cursinhos pré-vestibulares e passei dos 18 aos 19 lá sem entender nada porque a educação da escola pública, pelo menos na minha época, foi uma merda e eu detestava aquelas matérias bizarras e eu morria de vergonha de tirar dúvidas. Enfim, comecei a trabalhar aos 20 sem nada em mente e continuei assim por mais 4 anos. Em 2014, junto com minha irmã e mãe chegamos à conclusão de estudarmos juntas. Confesso que isso foi um presente que caiu do céu! Apesar da pressão e de ser bem cansativo, eu gostei bastante de ter feito o curso que fiz e recentemente tive a oportunidade de trabalhar na área.
    O que mais consumia o dinheiro era a compra de cartucho para a impressora, pois eram trocentas apostilas para imprimir em todos os semestres. De todo modo, consegui ter uma vida social razoavelmente tranquila.
    Beijos :*

    www.midnight-skies.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ola, tudo sim e com você?! Não é bem um desabafo, é quase uma crônica sobre esse tema! Que legal que você conseguiu fazer algo que gostasse mesmo depois de tanto tempo! E também que sua família entendeu, mesmo tendo te socado em um cursinho! Beijoca! <3

      Excluir
  17. Não iniciei a faculdade ainda, mas já imagino que não são como nos filmes, já que me decepcionei com o ensino médio por achar que iria ser como nos filmes americanos haha Eu vi varias pessoas que mudaram o jeito de pensar, não só em relação a faculdade, mas em relação a vida também. Apesar de ser difícil (pelos relatos) é a fase onde você verá o mundo com outros olhos e é quando as pessoas começam a a madurecer -pelo menos essa é minha opinião. Eu me considero de humanas, apesar de ser ótima em exatas (e gosta também)! Eu sempre tive um objetivo na minha vida, que é me forma em direito e ser uma juíza (não advogada hahaha), mas sei que tenho uma longa jornada pela frente. Ahh, adorei seu texto, super realista. Vai abri os olhos de muitas pessoas!
    Beijão

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah, que bom que tu já tem isso em mente! Isso agiliza e muito as coisas, então! Espero que consiga atingir o seu objetivo! Beijoca! <3

      Excluir
  18. Que legal se deliciar com um post sincero desse, rsrs. Meu sonho na adolescência era entrar na universidade, só vivia sonhando alto, e se eu pudesse eu teria baixado a bola e aproveitado mais minha fase no ensino médio. Eu tive a sorte de já saber o que eu queria então não sofri com angústias nem muita pressão. Estou fazendo curso de Biologia que é o que eu gosto de estudar e tenho uma paixão enorme e minha formação é a de professora. Vou nem falar que as pessoas menosprezam? Algumas. Mas isso é problema das pessoas. Ah, a universidade consome muito, tipo semana que vem vou ter quatro provas, um seminário, mais de quatro estudos dirigidos pra responder, uns cinco textos pra ler, três relatórios para entregar, ôô vida!
    Beijão

    Juhlihipy

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É complicado, mesmo! Tudo na vida tem o lado bom e o lado ruim, né? hahahah Com a faculdade não seria diferente! Beijoca! <3

      Excluir
  19. Nossa, pior que é bem assim mesmo! Eu já me formei, e mesmo com as partes chatas da faculdade ainda acho infinitamente melhor que escola!
    boa semana :)

    Red Behavior

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah, sem dúvida é melhor que a escola, só pelo fato de a gente poder estudar algo que realmente gosta! Obrigada, querida! Beijoca! <3

      Excluir

Eaí, gostou do post? Me fala aqui nos comentários! <3

 
Cantinho da Ruiva | Layout por A Design